HomePtLÍNGUA E LITERATURAquem foi, biografia e obras

quem foi, biografia e obras

- Advertisement -


castiçal obeso

Quem foi o Obeso Candelário?

castiçal obeso (1849-1884) foi um escritor, soldado, político e professor colombiano. Ficou conhecido depois que a crítica e a sociedade o consideraram o autor que deu início à corrente da poesia negra e sombria na Colômbia.

Existem poucos dados biográficos relacionados ao escritor, mas sabe-se que ele veio de uma família humilde e que cultivou a literatura durante o período em que esteve preso.

Durante sua vida, Obeso fez inúmeras traduções de obras que foram publicadas em jornais da época, além de tratados sobre táticas militares. Ele também produziu suas próprias obras, como A família Pigmalião, leituras para você, Secundino, o sapateiro S Luta da vida.

Sua maior obra foi Canções populares da minha terrapublicado em 1877 e graças ao qual foi reconhecido como um dos autores mais importantes da literatura colombiana.

Curiosamente, este trabalho não despertou tanto interesse quando Obeso estava vivo. A obra recebeu maior atenção anos após sua publicação, no século XX.

Biografia de Obeso Candelário

Primeiros anos

Obeso nasceu em 12 de janeiro de 1849 no distrito de Mompox, na Colômbia. Sua família era de origem humilde.

Alguns dados biográficos indicam que seu pai era Eugenio María Obeso, advogado liberal, e sua mãe María de la Cruz Hernández, lavadeira negra.

Estudos

Os primeiros estudos realizados por Candelario Obeso aconteceram em uma escola da mesma cidade onde nasceu, especificamente o Colégio Pinillos.

Mais tarde, a instituição fechou devido a uma guerra, o que motivou o jovem a estudar com o pai e o professor Pedro Salzedo del Vilar. Com este professor começou a receber as primeiras aulas de gramática, aritmética e geografia.

Depois de estudar em sua cidade natal, Obeso fez uma viagem a Bogotá. Uma vez lá, obteve uma bolsa de estudos no Colégio Militar.

Esta instituição foi fundada em 1861 pelo então presidente daquele país, Tomás Cipriano de Mosquera.

Os estudos no colégio militar não demoraram muito em sua vida, pois ele permaneceu apenas um ano no Colégio Militar.

Com o tempo, Obeso iniciou a sua formação profissional na Universidade Nacional, onde iniciou um curso na Faculdade de Engenharia. Mais tarde, ele fez uma mudança para a Faculdade de Direito e Ciência Política.

Estudos universitários

Dois anos depois de começar a estudar na Faculdade de Ciências Jurídicas e Políticas, obteve o grau de mestre, que obteve sem ter concluído a licenciatura.

Uma vez obtido o título, ele decidiu viajar de volta a Mompox para depois se mudar para a região de La Mojana, localizada no norte da Colômbia. Lá ele começou a trabalhar como professor em uma escola local.

Obeso experimentou inúmeras lutas ao longo de sua vida, a primeira das quais ocorreu na escola La Mojana.

Após a briga na instituição, o professor se mudou para Magangué: município da Colômbia que fica no departamento de Bolívar. Lá ele começou a trabalhar como tesoureiro público.

trabalhar com literatura

Algumas fontes indicam que a obra literária foi desenvolvida em maior medida por Obeso quando estava na prisão. Durante sua prisão, escreveu textos, como o livro Gramática da língua espanhola e a novela a família Pigmalião.

Quando foi libertado, decidiu voltar a Bogotá, onde enriqueceu seus conhecimentos literários e, com isso, seu trabalho como escritor. Além disso, estabeleceu um vínculo com a área da política.

eu trabalho na política

Anos após sua libertação, Candelario Obeso foi nomeado cônsul de Tours, na França. O escritor e político manteve o poder do cargo por um curto período de tempo.

Pouco depois, durante a presidência de Manuel Murillo Toro, entre 1872 e 1874, recebeu a responsabilidade de ser o intérprete nacional no Panamá. Ele ocupou o cargo até o início da Guerra Civil, dois anos após o término do mandato de Murillo Toro.

A posição o fez se inclinar para o liberalismo, então ele começou a se alistar no exército que apoiava essa posição política.

Relações afetivas

Candelario Obeso tinha uma grande vaidade em relação aos relacionamentos porque se considerava amado pelas mulheres. Esta situação lhe causou dor em várias ocasiões.

Esses momentos de sua vida exerceram importante influência sobre os textos que escreveu, pois alguns deles continham uma carga emocional marcadamente voltada para temas românticos e duelos amorosos.

Morte

Obeso morreu em 3 de julho de 1884 em Bogotá, Colômbia, quando tinha apenas 35 anos. Há poucas informações relacionadas à vida e morte do autor, de modo que as causas de sua partida física ainda são duvidosas.

No entanto, alguns dados indicam que o escritor colombiano morreu após atirar em si mesmo com uma arma de fogo.

Não se sabe se foi suicídio ou se, pelo contrário, o instrumento foi ativado acidentalmente. Foi sepultado com honras no Cemitério Ocidental de Bogotá.

Caso a morte tenha sido intencional, são desconhecidas as causas que teriam levado o renomado escritor colombiano a tirar a própria vida. Embora alguns apontem que ele estava apaixonado por uma mulher de alta classe que o rejeitou.

Local de construção

o início

Seu trabalho no mundo da literatura começou com a publicação de uma série de traduções e imitações de poetas europeus em um jornal da época.

Por aproximadamente um ano (entre 1873 e 1874) o escritor dedicou-se à publicação de poemas, por volta dos 15. Algum tempo depois seus escritos começaram a ter presença em outros jornais e meios literários.

Canções populares da minha terra

Considerada a obra mais importante de Candelario Obeso, Canções populares da minha terra foi publicado em 1877. O escritor se inspirou na vida e nos sentimentos das bogas que foram encontradas no rio Magdalena, localizado na Colômbia.

É considerada uma obra especial do escritor porque refletia as características de sua comunidade afro-colombiana, como a linguagem.

Foi uma coletânea de poemas que lhe rendeu importante reconhecimento tanto na população quanto na crítica literária da época. Além disso, deu-lhe o mérito de ser reconhecido como o precursor da poesia negra na Colômbia.

Por outro lado, Canções populares da minha terra expressa a crítica do autor, tanto às formas canônicas dominantes na Colômbia na época, como ao governo e à sociedade.

Retrato de uma realidade

É composto por 16 poemas que recolhem o dialeto, o estilo e a forma de falar dos negros da época, bem como seus costumes, vivências, sonhos e sofrimentos.

Obeso utilizou palavras, expressões, temas, ritmos, canções e rituais característicos da comunidade negra para torná-los protagonistas de sua literatura. Isso lhe permitiu realizar um trabalho autêntico que conscientizou a sociedade sobre a existência de comunidades afrodescendentes.

Canções populares da minha terra Contribuiu para quebrar o preconceito social da época, onde a população de uma raça catalogava pessoas de outra cor como objeto exótico.

Presume-se que o trabalho de Obeso, com Canções populares da minha terradespertou interesse anos após sua publicação, quando temas relacionados às culturas africanas começaram a ganhar importância no século XX, o que abriu o debate sobre a poesia negra.

traduções

Além de Canções populares da minha terraObeso fez inúmeras traduções de autores europeus publicados em uma revista literária.

O escritor fez as traduções para sobreviver às precárias condições econômicas que enfrentou ao longo de sua vida.

Entre as obras deste tipo que veio a fazer está Otelo de Shakespeare, bem como várias obras de escritores como Victor Hugo, Alfred de Musset e Alfred Tennyson.

Por outro lado, também traduziu um tratado de estratégia militar de um tenente belga. Além disso, fez diversas traduções de cursos de italiano, francês e inglês, o que demonstrou o interesse que o escritor tinha pela área educacional e pelo aprendizado de diferentes idiomas.

Referências

  1. Castiçal obeso. Extraído de ecured.cu
  2. Candelario Obeso, um compromisso pedagógico, estético e social. Extraído de library.idep.edu.co
- Advertisement -
- Advertisement -
Stay Connected
16,985FansLike
2,458FollowersFollow
61,453SubscribersSubscribe
Must Read
- Advertisement -
Related News
- Advertisement -
%d bloggers like this: