HomePtLÍNGUA E LITERATURAPara que serve uma monografia? usos principais

Para que serve uma monografia? usos principais

- Advertisement -
- Advertisement -
- Advertisement -
- Advertisement -

[ad_1]

Uma monografia é um documento que aborda um determinado tema. Com licença

UMA monografia serve abordar um tema específico de forma metódica e completa. Pretende relatar sobre um determinado objeto de estudo. Sua extensão é variável e consulte várias fontes.

O termo monografia vem do grego: macacosque significa “um”, e gráficos, que significa “escrever”. Isso indica a intenção desse tipo de escrita, que é expandir sobre um único tema, de forma clara e com informações fundamentadas.

A monografia abrange uma grande variedade de temas, podendo ser escrita em diversos campos, embora seja utilizada especialmente no meio acadêmico, em qualquer área do conhecimento. Sua linguagem não precisa necessariamente ser muito técnica, mas sim clara, simples e precisa.

Por exemplo: nas artes, nas ciências naturais e exatas, e mais comumente nas ciências sociais, onde o trabalho investigativo é constante, a monografia fornece conhecimento documentado.

Ao se referir a uma monografia em algumas áreas, a definição pode variar um pouco. É o caso da monografia em biologia, onde se pode falar de uma monografia taxonômicaonde é realizado um estudo extenso e detalhado de um táxon (grupo de organismos relacionados).

Da mesma forma, ao discutir uma monografia nas artes, alguns editores de livros referem-se a uma monografia como uma compilação de várias obras de um único artista, em oposição a uma compilação de obras de vários artistas em um livro.

Além disso, nos Estados Unidos, a Food and Drug Administration exige a publicação de uma monografia para a regulamentação e autorização de substâncias, na qual é explicada a segurança do uso dos produtos distribuídos.

É importante notar o uso que os bibliotecários dão à monografia, que a definem como uma publicação completa não seriada em um volume (um livro) ou um número finito de volumes, o que resultaria no oposto de revistas ou jornais, embora pode gerar confusão em relação às enciclopédias.

Usos comuns de monografias

Tratamento de temas gerais ou específicos

Um autor pode escrever um assunto relacionado com as artes plásticas, por exemplo, uma monografia sobre o surrealismo segundo Salvador Dalí, sem que seja um documento onde se compilam as obras do referido pintor, mas onde se fala do movimento surrealista e da concepção de Dalí sobre lo, com suporte teórico ou investigativo.

Nesse sentido, o uso que lhe é dado é apresentar pesquisas primárias sobre um assunto, garantindo credibilidade por meio das fontes consultadas.

Documentação das descobertas

A monografia, além de sua finalidade óbvia de transmitir informações sobre um determinado tema, é uma ferramenta importante para documentar descobertas ou conquistas em diversas áreas acadêmicas.

Uma vantagem da monografia é a sua similaridade com os artigos, embora consideravelmente mais longa e com maior respaldo teórico e/ou científico em suas fontes, o que a torna um documento mais acessível, ou mais direto do que um trabalho de pesquisa, como as teses, que exigem um processo muito mais rigoroso no momento da escrita.

Em uma monografia, o autor pode apresentar maior autoridade sobre o assunto, pois, ao contrário das teses, as monografias não são uma coleção de trabalhos de pesquisa, embora possam ser usadas como referência e retorno.

Desta forma, em uma monografia de pesquisa, o assunto investigado será discutido com base em outros trabalhos já realizados, mas preferencialmente algo novo será aportado a tal assunto.

Por exemplo, se você vai falar sobre música contemporânea, outros trabalhos sobre o assunto serão tomados como referência, mas o autor pode dar uma perspectiva ou uma nova informação a respeito.

Síntese de outras obras

Além disso, a monografia pode ser escrita com base em um tema ou pesquisa já abordada, sem necessariamente contribuir com nada de novo para o tema, mas servindo como uma síntese do mesmo, e que pode ser utilizada posteriormente como referência.

A utilização da monografia também tem sido contemplada como um complemento de considerável importância no âmbito acadêmico, que é utilizada como suporte, e não como substituto, de publicações científicas em periódicos.

Isso porque o desejo de imediatismo ao publicar uma nova conquista ou descoberta científica nos meios de comunicação de massa pode tornar as monografias menos importantes, embora a publicação seja frequentemente feita em jornais, revistas e outros meios especializados.

Nesse sentido, a publicação de uma monografia junto com o artigo científico significará um tratamento mais detalhado do assunto e, muitas vezes, um trabalho mais elaborado, pelo desejo de imediatismo e maior extensão.

Referências

  1. A monografia. Obtido em www.helsinki.fi
  2. Monografia (2017). Extraído de en.wikipedia.org
  3. Monografia (2017). Extraído de en.wikipedia.org
  4. Monografia Taxonômica (2017). Extraído de en.wikipedia.org
  5. O que é uma monografia? Recuperado de monografias.com.

[ad_2]

- Advertisement -
- Advertisement -
Stay Connected
[td_block_social_counter facebook="#" manual_count_facebook="16985" manual_count_twitter="2458" twitter="#" youtube="#" manual_count_youtube="61453" style="style3 td-social-colored" f_counters_font_family="450" f_network_font_family="450" f_network_font_weight="700" f_btn_font_family="450" f_btn_font_weight="700" tdc_css="eyJhbGwiOnsibWFyZ2luLWJvdHRvbSI6IjMwIiwiZGlzcGxheSI6IiJ9fQ=="]
Must Read
- Advertisement -
Related News
- Advertisement -